Nos últimos anos, com a expansão das mídias online, muitas pequenas e médias empresas começaram a enxergar como o marketing pode ser a mais poderosa ferramenta para alavancar suas vendas e aumentar a interação com seu público.

Seguindo uma tendência de outras áreas, em geral, estas empresas buscam terceirizar o serviço seja por uma questão de redução de custos, maior foco no core-business ou mesmo buscando um serviço especializado em seu próprio mercado. Durante este momento de transição muitos passam por um problema bastante comum, o que chamamos de “crise do salgadinho”.

A crise do salgadinho

Vamos voltar no tempo para que você imagine bem a situação. Imagine-se vinte, trinta ou quarenta anos atrás, quando ainda era uma criança. Durante um intervalo na escola, com uma fome típica de quem queimava muita energia e dava muito trabalho, você vai até a cantina da escola e lá no alto vê aquele pacote brilhante com cores chamativas, e decide que aquele será o seu lanche naquela tarde.

As cores do pacote são chamativas, os dizeres na embalagem estão em letras bonitas que formam uma harmonia com o fundo, e existe até mesmo um mascote que pode ser um tigre, um espantalho ou só uma boca devorando um daqueles biscoitos salgados. Tudo se encaminha para um final feliz para essa criança de antigamente, porém quando ela abre aquele saco enorme, descobre que mais da metade dele é composto de… AR!

Imagine a decepção do seu pequeno eu ao notar que apesar de toda a forma (embalagem, tipografia, slogan, mascote) estar mais que perfeita, o produto em si era composto mais de ar, do que de salgadinho em si.

De volta ao presente…

Infelizmente, este caso do salgadinho é exatamente o que acontece com muitas agências de marketing. Ao limitarem sua atuação à forma da comunicação do cliente, acabam por não se aprofundarem no conteúdo, criando assim uma situação em que a empresa contratante continua a ter que investir seu tempo em criação de conteúdo. Tempo este que poderia ser utilizado na prospecção de clientes, treinamentos da área comercial ou outras atividades chave para o crescimento da empresa.

Existe forma com conteúdo

A Efejota surgiu justamente para preencher esta lacuna no mercado. Os profissionais da agência são especialistas em aprofundar-se nas características dos produtos, nas ferramentas de vendas e na cultura de cada um de nossos clientes.

Para isso, estabelecemos 3 pilares que nos auxiliam a desenvolver conteúdo de qualidade que geram leads, interações com a marca e principalmente retorno em vendas para nossos clientes:

1. Imersão total

A Efejota possui foco total em entender as necessidades, produtos e oportunidades de seus clientes. Para isso, realizamos diversas reuniões presenciais, estudamos materiais de divulgação utilizados até o momento, mantemos contato digital em base diária para que os clientes tenham um departamento de marketing à disposição 24/7.

2. Visão 360

Nossa equipe multidisciplinar é formada por publicitários, marqueteiros, designers e administradores. Com um time tão diverso, conseguimos enxergar oportunidades de negócios para nossos clientes e traçar estratégias para otimizar custos e tempo de desenvolvimento de novas ideias. Você verá como uma visão de fora às vezes é tudo que você precisa para revolucionar seu negócio.

3. Entender o público-alvo

Um cliente não é apenas a junção de sua equipe, ferramentas e cultura corporativa. Dentro desta equação, o fator mais complexo é o público. Quem são seus clientes? Como eles reagem? Qual a melhor abordagem para cada um? É necessário segmentar sua linguagem para diferentes canais?

Todas estas questões são estudadas com afinco na Efejota. Por meio dos nossos especialistas em pesquisa de mercado, conseguimos extrair o máximo de informações sobre as preferências dos seus consumidores e quais serão seus próximos passos para conquistar fatias cada vez maiores dentro do seu mercado.

Se você quiser conhecer mais sobre a nossa estratégia para pequenas e médias empresas, chame a Efejota para um café, e durante ele explicaremos mais sobre como evitar a “crise do salgadinho”.

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial